Jump to content

Welcome to Warez Box V2
Register now to gain access to all of our features. Once registered and logged in, you will be able to create topics, post replies to existing threads, give reputation to your fellow members, get your own private messenger, post status updates, manage your profile and so much more. If you already have an account, login here - otherwise create an account for free today!
Foto

Light.of.My.Life.2019.720p.BDRip.x264.AC3-WiNTeaM



  • Please log in to reply
Este tópico ainda não possui respostas

#1
Zamzibar

Zamzibar

    O Implacável

  • Tópicos
    5284
  • Posts:
    10.307
  • Membro nº:
    2
  • Registo:
    03-junho 12
    Reputação:
    5816
  •  Sexo:
    Masculino
  •  País:
    Country Flag
  •  Clube:
    Clube
  • Jogo Favorito:
    Jogo Favorito

Humor actual: Aggressive

...:::Prémios:::...

           
Light.of.My.Life.2019.720p.BDRip.x264.AC3-WiNTeaM
 
krVstQf.jpg
 
 
:imdb:
 
 
 
 
:info:
 
Imdb: 6,6/10 de 2.877
Director: Casey Affleck
Género: Drama, Sci-Fi
Fonte: BluRay.1080p.AVC.DTS-HD.MA5.1-MTeam
General: Matroska 3.30 GB 1h59min 3939 kb/s
Video: AVC High@L4.1 MPEG4 3300 kb/s 1194x720 5:3 Constant 23.976 FPS x264
Audio: AC-3 Constant 640 kb/s 6 channels 48.0 kHz English
Legendas: PT-BR br.gif
 
 
 
:elenco:
 
Anna Pniowsky, Casey Affleck, Tom Bower, Elisabeth Moss
 
 
 
:sinopse:
 
Amar outras pessoas e deixá-las amar… Acho que as histórias são importantes e boas, porque elas conectam-nos com outras pessoas e fazem o mundo parecer um lugar maior”.
 
Certos poemas não requerem palavras, apenas humanidade. Numa época cheia de estímulos, ou do vazio que os próprios nos causam, ter a coragem para viver do amor, da Natureza daquilo que realmente somos é escasso. “Luz da Minha Vida” (2019) vive, como todas as grandes obras, da simplicidade, da beleza dos acasos. Através da sua narrativa, subtil na crítica, carregada de mensagem, consegue transpor o espectador a outro nível: fazer recuar o Eu, através de passos atrás metafóricos, à sua essência; ao que o faz ser, além de existir.
 
Com um argumento fabuloso do protagonista Casey Affleck, à frente e atrás da câmara, ele consegue guiar-nos a um patamar célebre de interioridade. “Luz da Minha Vida” conta a história de um pai (Casey Affleck) que se vê obrigado a proteger a sua filha, Rag (Anna Pniowsky) de uma epidemia que afronta e que gera o caos na sociedade, espoletando a morte, em massa, de todas as mulheres. Rag conseguiu imunidade pois nasceu precisamente no prelúdio da doença, escapando a um final inglório. O filme, em si, é no fundo o Pai a tentar escapar da civilização, fazendo a sua filha passar-se por um rapaz para escapar à celeuma que descobrir a sua existência geraria. Afastam-se da cidade e vão vivendo – e pelo caminho apreciando – a beleza da Natureza envolvente. A sua e a do mundo, por extensão. {A mãe de Rag (Elisabeth Moss) falece pouco após o nascimento da sua filha e deixa-os numa autêntica luta pela sobrevivência}
 
Com uma banda sonora de cortar a respiração (criada pelo compositor americano Daniel Hart), que é capaz de ditar, na perfeição, o ritmo da narrativa, a pulsação da arte que em si mesmo (este filme) representa, alinhado na forma com os clímaxes, na maneira subtil e inteligente como transpõe a força, o sentimento que domina cada cena. 
 
 
 
:screens:
 
Spoiler
 
 
 
:trailer:
 
 
 
 
:download:
 
:uptobox:

Faça Login ou Registe-se para visualizar os links


  • NoWay gosta disto

M4zHdWf.png?1
fz91drn.png